Ir para o conteúdo principal

Realidade Virtual com Óculos VR

highlighted:
beforeContent:

A realidade virtual está presente à muito tempo em vários filmes, jogos e séries de ficção científica como no filme O Passageiro do Futuro de 1992 onde um cientista usa a realidade virtual para tratar um paciente e a educação é uma forma de uso da tecnologia.

Com o desenvolvimento de soluções de custo reduzido como o Google Cardbox, o uso da realidade virtual se tornou mais acessível facilitando a implementação em escolas e cursos. Hoje temos vários exemplos de escolas, principalmente privadas que usam a tecnologia.

Google Cardbox, um óculos de realidade virtual de papelão
Google Cardbox

O Google Cardbox e soluções similares como o VR Box usam uma estrutura de óculos em papelão ou plástico e um smartphone. O Smartphone executa um aplicativo ou vídeo e gera as imagens preparadas para exibição no óculos recebendo informações de seus sensores para gerar a interação do usuário com a ambiente virtual.

Dessa forma podemos usar qualquer smartphone com tecnologia compatível (são muitos) adicionando uma nova função nesse dispositivo que está cada vez mais presente em nosso dia à dia.

É possível ter a experiência de estar em locais como museus, locais históricos, estar em meio de vídeos em 3D e jogar dentro de um mundo virtual. São diversas possibilidades como:

  • Conhecer locais e momentos históricos:
    Que tal ver pirâmides com suas múmias, passar pelo espaço sideral ou dar uma volta no Monte Evereste?

  • Aprender de idiomas:
    Aprender inglês por exemplo pode ser mais eficiente se você estiver nos Estados Unidos e usando o VR é possível ter a experiência de entrar em uma simulação com personagens falando com o sotaque americano além de usar ferramentas auxiliares de acordo com cada APP.

    Um exemplo de App para curso de idiomas é o Virtualspeech que possui várias opções de ferramentas para aprendizagem e conteúdos diversos para VR.

  • Estudar o corpo humano em 3D
    Com aplicativos como o Google Expeditions é possível ver o corpo humano em 3D com muitos detalhes e até mesmo estudar microorganismos como bactérias.

  • Treinar falas e palestras:
    Falar em público é um desafio para muitas pessoas e com o uso de ambientes virtuais é possível treinar a fala em ambientes tensos e estressantes.

Tipos disponíveis de óculos para realidade virtual:

Temos basicamente 2 tipos de óculos para VR: O óculos de baixo custo e dependentes de um smartphone e os óculos avançados.

Óculos VR Box aberto com o controle na frente

Óculos de baixo custo com smartphone:

São óculos que usam o smartphone para executar os aplicativos, em geral mais econômicos custando menos de R$ 100,00 e alguns possuem um controle. Como exemplos temos o Google Cardbox, VR Box e Xiaomi VR

 

Óculos Rift preto com seus 2 controles

Óculos VR avançado (Headset de realidade virtual):

São óculos que possuem toda tecnologia integrada, possuem uma experiência de uso melhor com controles mais funcionais e avançados. Alguns exemplos são: Óculos Rift e Asus Windows Mixed Reality Headset.

Caso de uso:

Em 2019 iniciamos a oferta do serviço de oficina e cursos com Realidade Virtual para diversos públicos, um dos nossos clientes o projeto Escolas Criativas comprou vários Óculos VR do modelo VR Box 2.0 e Smartphones para escolas de niteroi onde estamos executando algumas oficinas mostrando os usos práticos dessa tecnologia no ensino fundamental com ótimo feedback dos professores.

Professores das escolas de niteroi usando o VR Box 2.0
Professores usando o VR Box 2.0

Conclusão:

A realidade virtual já é uma realidade e pode adicionar grandes diferenciais para seu negócio.

Está buscando consultoria ou deseja implementar essa tecnologia em seu negócio? Se sim, entre em contato :-)

Links e referências:

 


afterContent:
Widget: Comments 3:

Comments